quinta-feira, 13 de julho de 2017

Sobrenomes pomeranos - Parte 08

Szczecin - capital da Pomerânia Ocidental
Reproduzimos aqui em forma de lista os sobrenomes pomeranos pesquisados por Edward Breza, que incluem sobrenomes encontrados em suas pesquisas nas voivodias (províncias) polonesas da Pomerânia, Pomerânia Ocidental e Cujávia-Pomerânia, mas não sabemos dizer se incluem sobrenomes presentes no estado alemão de Mecklemburgo-Pomerânia. Vale lembrar que a antiga região da Pomerânia incluía territórios majoritariamente poloneses na atualidade e uma porção menor hoje pertencente a Alemanha. Há menos de 100 anos, toda essa região era ainda parte do Império Alemão e retornando ainda 200, 250 anos a Pomerânia fazia parte do Reino da Prússia (embrião da Alemanha moderna). Segue, pois, a lista simples dos sobrenomes pesquisados por Breza, de acordo com o pesquisador polonês Janusz Stankiewicz.

Para tanto, tomamos a liberdade de fazer alguns melhoramentos e adições para melhor compreensão dos leitores de língua portuguesa, principalmente fazendo uso das versões em língua alemã e língua polonesa da Wikipedia, assim como do Wikcionário também das respectivas línguas. Também fizemos uso do Dicionário Geográfico do Reino da Polônia e outros países eslavos (no original polonês Slownik geograficzny Królestwa Polskiego i innych krajów slowianskich). 

Edward Breza (nasc. 1932) é professor emérito de Humanidades da Universidade de Gdansk, na Polônia. Com formação em Filosofia e Teologia e mestrado em Filologia. Suas principais áreas de estudo constituem a história da língua polonesa, linguagem, onomástica, dialetologia, especialmente sobre as etnias cassúbia e pomerana. Dentre suas várias obras sobre Onomástica, destaca-se Os Nomes dos Pomeranos - Origem e Mudança (no original polonês Nazwiska Pomorzan - Pochodzenie i Zmiany)de 2001, publicada pela própria universidade em que leciona, que lhe valeu um prêmio especial do Ministério da Cultura da Polônia. Breza também é membro do Comitê Internacional de Onomástica.

1017. Pabian, Pabianczyk, Pabianek, Pabianik, Pabianski, Pabich, Pabijan, Pabijanski, Pabijasz, Pabin, Pabinski, Pabis, Pabisz - patronímico que deriva de uma corruptela linguística do nome Fabian (Fabiano em português).
1018. Pacierz, Paciorek, Paciorkiewicz, Paciorkowski, Pacirek - literalmente "Pai-nosso". Pode ser um sobrenome religioso ou tão somente designar pessoa piedosa, pessoa orante.
1019. Pacwald, Paetz, Paetzke, Paetzol, Paetzold - patronímico do nome Pacwald (sem tradução possível em português, mas de modo literal pode ser entendido como um nome composto como Paulovaldo ou Pedrovaldo).
1020. Paczes, Paczesna, Paczesniak, Paczesny, Paczesz, Paczesnia, Paczesniok, Paczesniowski, Paczos, Paczoska, Paczoske - artesão ou tecelão que trabalha com linho.
1021. Paga, Page, Pagel, Pager, Paget, Pagie, Pagiel, Pagielski, Pagiela, Pagielka, Pagiella - sobrenome com dupla interpretação: pode derivar de uma palavra do baixo-alemão medieval para cavalo; ou ser um patronímico do Pagel ou Pawel (Paulo em português).
1022. Pahl, Pahlke, Pal, Palkowski, Palski - estaca, alguém que usa uma estaca para perfurações.
1023. Pajaczek, Pajaczko, Pajak, Pajakiewicz, Pajuk, Pajunk, Pajunke - literalmente aranha. Uma forma figurada para designar um alfaiate ou ainda um construtor de canais de irrigação em uma zona agrícola.
1024. Pajakowski, Pajaski - toponímico referente à Przylek - nome de lugar e de acidentes geográficos comum na Polônia.
1025. Palasz, Palaszek, Palaszewski, Palaszka, Palaszke, Pallas, Pallasch, Pallaschke, Pallasek, Palla, Pallaszke, Palos, Palosz, Pals, Palsz, Palarz, Palasz, Palaszewski, Palaszowana, Palaszowany, Pallasz, Palosa, Palosza - arma de lâmina, arma branca, espécie de espada simples de acabamento rústico; pode se referir tanto ao contexto bélico quanto ao trabalho agrícola.
1026. Palau, Palow, Pala - idiota.
1027. Palbach, Paubach - toponímico referente à região do rio Paubach, um afluente do rio Aachen, Renânia do Norte-Westfália, Alemanha.
1028. Palberg - montanha redonda, morro redondo.
1029. Palcat - chicote, vara, pau comprido que se usa como arma.
1030. Paliwod, Paliwoda, Paliwodzinski - mentiroso, fanfarrão, doidivanas, tolo; ou ainda manivela de instrumentos artesanais; por fim, ponto de acesso a um lugar.
1031. Palowski, Palow - toponímico referente a aldeia de Palowice (nome alemão Pallowitz), município de Czerwionka-Leszczyny, Silésia, Polônia.
1032. Paludius - lagoa.
1033. Palumbo - pombo selvagem (Columba livia).
1034. Pan, Panek, Panik, Panisz, Panitz, Pankau, Pankaw, Pankow, Pankowiak, Pankowicz, Pankowiecki, Pankowski, Panska, Panske, Panczak, Panczakiewicz, Panka, Pankewycz, Pankiewicz, Panko, Pankowicz, Pankowiec, Pankowski, Panski, Pohnke, Ponka, Ponke - senhor, se usa para denominar quem é dono de um senhorio, dono de algo, alguém que possui um bem e possivelmente tem servos; proprietário de um gleba de terras. Ou ainda um patronímico do nome masculino Panko, de origem ucraniana e com o mesmo sentido ora descrito.
1035. Pankan, Pankanin, Panknin, Pankonin - rachadura, erosão, ravina.
1036. Papenfuhs, Papenfus, Pappenfus, Pappenfuss - uma derivação do sobrenome alemão Papenfuss, que significa "pé de padre" - serve para designar o secretário pessoal de um pároco.
1037. Papla, Paplak, Paplan - álamo (gênero Populus).
1038. Parchem, Parchen, Parcheniak, Parchiem, Parchim, Parchimiak, Parchimiuk, Parchimowicz, Parchiniak, Parchinowicz, Parchymowicz, Parchyniak - toponímico referente à cidade de Parchim, distrito de Ludwigslut-Parchim, Mecklemburgo-Pomerânia, Alemanha. 
1039. Pardua, Pardwa - ptármiga (gênero Lagopus).
1040. Parsau, Parsow - toponímico referente à aldeia de Parsowo (nome alemão Parsow), município de Biesiekierz, distrito de Koszalin, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1041. Parsz - sarna, sarnento.
1042. Parsza, Parszewski, Parszowski, Parszo, Parszuk - toponímico referente à aldeia de Parszewo, município de Lichnowy, distrito de Malbork, Pomerânia, Polônia. Ou ainda, uma derivação de um vocábulo ucraniano para porco, designando assim um criador de porcos ou uma característica físico-comportamental.
1043. Parteka, Partika, Partycki, Partyczka, Partyka, Partykiewicz, Partykowski - do termo latino partis - que significa parte. Corresponde a um camponês que tem parte numa área agrícola, como arrendatário ou meeiro, bem como pode apontar a alguém que possui direito parcial nas rendas de um feudo, de um companhia comercial, de um gleba de terras ou de um título hereditário. Faz parte do direito consuetudinário da Idade Média.
1044. Pasch, Pasche, Paschek, Pasz, Pasza, Paszek, Paszk, Paszke, Paszkie, Paszko - um patronímico dialetal do nome masculino Pawel (Paulo em português). Ou ainda, Páscoa, pascoal.
1045. Pastalenc, Pastilenc, Pastilenz, Pestilenc, Pestilenz, Pestolenc, Pestolenz, Pestylenc - pestilento, 
1046. Pastewinski, Pastewka, Pastewski, Pastwa, Pastwiak, Pastwik, Pastwikowski, Pastwinski - alimentação animal, ração, forragem. Ou ainda, um toponímico referente à aldeia de Pastwa, município de Kwidzyn, distrito de Kwidzyn, Pomerânia, Polônia.
1047. Patel, Patela, Patelak, Patelczyc, Patelczyk, Patelka, Patella, Patelski - planalto, o morador de um planalto.
1048. Patock, Patocka, Patocke, Patocki, Patocy, Patoczka, Patoczny, Patok, Patoka, Patoki - mel coado. Designa o artesão responsável pelo processo de limpeza e purificação do mel silvestre ou doméstico. Também pode ser um toponímico referente a Patoka: uma vila homônima no município de Gromadka, distrito de Boleslawiec, Baixa Silésia, Polônia; uma colônia homônima no município de Ciasna, distrito de Lubliniec, Silésia, Polônia.
1049. Paw, Pawak, Pfal, Pfau - pavão (gênero Pavo). Figurativamente, pessoa orgulhosa, pessoa vaidosa.
1050. Pawlet, Pawleta, Pawletko, Pawlett, Pawlita, Pawlitek, Pawlitka, Pawlitko, Pazda, Pazdra, Pazdro, Pazdan - patronímico do nome Pawel (Paulo em português).
1051. Pedel - bedel de uma universidade medieval.
1052. Pegel, Pegela, Pegiel, Peglan, Piegiel, Piegon, Piegow, Piegowski, Piegus, Pieguszewski, Piegut, Piegutowski - sardas, sardento, pessoa que tem sardas ou manchas na pele. Ou ainda, um toponímico referente à aldeia de Gogolewo (nome alemão Peglow), município de Marianowo, distrito de Starogard, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1053. Peglau, Peglow - toponímico referente à aldeia de Gogolewo (nome alemão Peglow), município de Marianowo, distrito de Starogard, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1054. Pekron, Pekrun, Pikron, Pikrun - belo, bonito.
1055. Pel, Pela, Pelaczyk, Pelak, Pelakowicz, Pelakowski, Pelan, Pell, Pella, Pellach, Pellan, Pelle, Pellowski, Pielak, Piele, Pielech, Pielecha, Pielechowicz, Pielechowski, Pieleczek, Pielek, Pielen - apressado, afoito, rápido.
1056. Pelc, Pelcar, Pelcel, Pelcer, Pelczar, Pelczarski, Pelczer, Pelczor, Pelczuk, Pelczyk - peleiro, profissional que trabalha com peles.
1057. Pelpinski, Pelplin - toponímico referente à cidade de Pelplin, distrito de Tczew, Pomerânia, Polônia.
1058. Pen, Pena, Penar, Penarski, Pennar, Penner, Peno, Penno, Penor, Pinach, Pinak, Pinakiewicz, Pinal, Pinan, Pinanowicz, Pinar, Pinas, Pinasz, Pinert, Piniarz - fino, algo fino, pessoa fina (corpo). Ou ainda, cano, caneta, vara fina e alongada, também pênis. Nos países eslavos, uma medida para um oitavo de litro de vodca. 
1059. Penk, Penka - sobrenome cassúbio, literalmente: homenzinho, homem pequeno.
1060. Peple, Peplak, Peplan, Peplau, Peplow, Peplinski, Peplok, Pepluch - álamo (gênero Populus). Ou ainda, murmúrio, murmurador. Trapalhão. Também pode corresponder a artesão livre, isto é, aquele que não pertence a uma corporação de ofício.
1061. Perch, Percha, Perchal, Pierzcha, Pierzchalski, Pierzchala - fugitivo, que migrou, que saiu de um lugar, que procede de um lugar.
1062. Periche, Peritz, Pieritz, Pirch, Piricki, Piritz, Pirsch - toponímico referente à cidade de Pyrzyce, distrito de Pyrzyce, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1063. Perk, Perka, Perke, Perko, Perkowski - lúcio-perca (Sander lucioperca). Ou ainda: batata, plantação de batatas. Bem como também pode corresponder a cercado para ovelhas, ou genericamente fazenda de ovelhas.
1064. Persze, Perszewski, Perszke, Perszowski, Perszon, Piersz, Piersza, Pierszalik, Pierszalski, Pierzewski, Pirch - chuvisco. Usa-se genericamente para designar pessoa com caspa.
1065. Peta, Petta, Pienta, Pientka, Pieta, Pietka - calcanhar, ou genericamente toda a parte traseira do pé.
1066. Petri, Petz, Piesak, Piesch, Pieschek, Pieschel, Piesiak, Piesiakowski, Piesiek, Piesewicz, Piesik, Piesio, Piesz, Pieszak, Pieszek, Pieszyk, Pies, Pietrzykiewicz, Piotrzkiewicz, Piotrzkowski, Piotrzyk, Piotrzykiewicz, Piotrzykowski - patronímico do nome Piotr (Pedro em português).
1067. Pfaum, Pfaume, Ploma, Plombaum, Plombom, Plomkowski, Plumbaum, Plumbom, Plumbon, Plume, Pluminski, Plune, Plunowski - ameixeira (Prunus domestica).
1068. Pfeifer, Pfeiffer, Pfeiff, Pfejfer, Pfejffer, Pfiefer, Pieper, Piepka, Piepke, Piepko, Pipa, Piper, Piperek, Piperski, Pipka, Pipke, Pipkowski, Pipowski, Pipper - flautista, tocador de instrumento de sopro, ou de modo geral, músico.
1069. Pflegel, Pfleger, Pflegiel, Pfliger, Pfloegel, Pflögel - mangual, ou figurativamente, pessoa simplória, pessoa tola.
1070. Piaseczna, Pieseczny, Piasek, Piaski, Piaskowski, Piosek, Piossek - areia. Pode ainda ser um toponímico referente a Piaseczno - nome de lugar que nomeia 13 lagos na Polônia, 17 aldeias na Polônia, 1 lago na Ucrânia e 3 aldeias na Ucrânia.
1071. Piatak, Piatczak, Piatczuk, Piatecki, Piatkiewicz, Piatkowski, Piadkowski, Piantek, Piatczyk, Piatk, Piatke, Piatko, Piatkowiak, Piatkowice, Piatkowicz, Piatkowiec, Piontczak, Piontecki, Piontek, Pionteka, Piontk, Piontke, Piontkowicz, Piontkowski - sexta-feira.
1072. Pieckiel, Pikiel, Pikielniak, Pikielny, Pikielski, Pikielek - enxada.
1073. Piekut, Piekuta, Piekuto, Piekutowski - aluco (Strix aluco).
1074. Pieniadz, Pieniazek, Pieniazkiewicz, Pieniazczak, Pieniazk, Pieniazka, Pieniazki, Pieniazkiewicz, Pieniazko, Pieniazkowski - dinheiro, moeda.
1075. Pilat, Pilath, Pilatowicz, Pilatowski, Pilatus - patronímico do nome Pilat (Pilatus em português).
1076. Pilch, Pilcher, Pilchewicz, Pilchniewicz, Pilchon, Pilchota, Pilchowicz, Pilchowski - arganaz cinzento ou leirão cinzento (Glis glis). Trata-se de um roedor europeu cuja pelo cinzento é usado figurativamente para designar pessoa com o mesmo tom na cor de cabelo. Igualmente, o arganaz cinzento é um símbolo de sabedoria humilde. Todavia, também pode ser um toponímico referente aos seguintes locais na Polônia: a aldeia de Pilch (nome alemão Pilchow), município de Zaleszany, distrito de Stalowa Wola, Subcarpácia; a vila de Pilchowice (nome alemão Mauer), município de Wien, distrito de Lwowek, Baixa Silésia; o município de Pilchowice (nome alemão Pilchowitz), distrito de Gliwice, Silésia; a localidade de Pilchowo (nome alemão Polchow), município de Szczecin, distrito de Glebokie-Pilchowo, Pomerânia Ocidental; a aldeia de Pilchy (nome alemão Pilchen), município de Pisz, distrito de Pisz, Wármia-Masúria.
1077. Pink, Pinka, Pinke, Pinker, Pinkert, Pinkier, Pinkiert, Pinkiewicz, Pinkorz, Pinkosz, Pinkowicz, Pinkowski - prego, cabeça de prego. Pode designar tanto uma profissão, quanto uma característica física. Também pode ser um toponímico referente a aldeia de Pinka, município de Dolsk, distrito de Srem, Grande Polônia, Polônia.
1078. Pinno, Pinnow, Pinow - tronco.
1079. Plac, Placak, Placek, Plack, Plackiewicz, Placko, Plackowiak, Plackowski, Placuch, Placuk, Placuszek - praça - tradicionalmente o centro de uma aldeia, comuna ou cidade na Europa. Todavia, também designa bolo, alimento preparado assado ou frito, panqueca, por isso pode corresponder a um cozinheiro, padeiro ou a alguém que prove víveres a algo ou alguém (dispenseiro).
1080. Plat, Plata, Plate, Plater, Plath, Platter, Platt, Platter, Plota, Plott - planície, lugar plano, terra plana. Designa o habitante de um relevo com essa característica.
1081. Pleger, Plegier - governador, administrador, ou ainda guardião (de algo).
1082. Ploc, Plock, Plocke, Plocker, Plotzk, Plotzke, Plotzki - bolo, alimento preparado assado ou frito, panqueca, por isso pode corresponder a um cozinheiro, padeiro ou a alguém que prove víveres a algo ou alguém (dispenseiro). Também pode ser um toponímico referente a Ploki: uma colônia (nome alemão Wilhelmsburg) no município de Choszczno, distrito de Choszczno, Pomerânia Ocidental; uma aldeia no município de Trzebinia, distrito de Chrzanow, Pequena Polônia; ambos os locais na Polônia. 
1083. Plomin, Plomien, Plominski - chama.
1084. Plotka, Plotke, Plotkiewicz, Plotko, Plottka, Plottke, Plocica, Plocicki, Plotkowiak - pardelha-dos-alpes (Rutilus rutilus). Também pode corresponder a rumor, fofoca, boato.
1085. Plusk, Pluska, Pluskala, Pluski, Pluskot, Pluskota, Pluskote, Pluskowski, Plust - respingo, batida na água, espirro, salpico. Ou ainda um toponímico referente a aldeia de Pluski (nome alemão Plauzig), município de Stawiguda, distrito de Olsztyn, Wármia-Masúria, Polônia. Também pode significar cauda de peixe ou cauda de castor, denotando um aspecto físico ou profissional.
1086. Pluskwa - homem curioso.
1087. Plut, Pluta, Pluto, Plutowicz, Plutowski, Plutter - ranhura, chuva, tom outonal (pode indicar uma característica física). Em cassúbio: pequeno lago, açude. Também: de uma palavra de origem russa para sargento. Por fim, pode indicar igualmente: trapaceiro, esperto, bobo da corte, velhaco, patife.
1088. Plasa, Plasaj, Plasarek, Plazak, Plazek, Plaziak, Plosa, Plosaj, Plosajkiewicz, Plosarek, Plosarz, Plosejczyk, Plosinski, Plosk, Ploska, Ploske, Ploski, Plozka, Plus, Plusa, Plusinski, Plusis, Pluski, Plusko, Pluss, Pluza, Pluzka - tipo de plantação disposta em fileiras típica da Europa Oriental; ou ainda, barra ou haste de ferro; espécie de ferro comprido e estreito.
1089. Plosa - toponímico referente a aldeia de Plosa, município de Przeworno, distrito de Strzelin, Baixa Silésia, Polônia.
1090. Pobanz - toponímico referente a aldeia de Pobadz (nome alemão Pobanz), município de Tychowo, distrito de Bialogard, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1091. Poch, Pocha, Pochel, Pochelski, Pochela, Pochert - patronímico do nome Polikarp (Policarpo em português). 
1092. Podewil, Podewils - toponímico referente a aldeia de Podwilcze (nome alemão Podewils), município de Bialogard, distrito de Bialogard, Pomerânia Ocidental, Polônia. Também pode ser um toponímico correspondente: a aldeia de Podwilk, município de Jablonka, distrito de Nowy Targ, Pequena Polônia, Polônia; ao assentamento de Podswile, município de Vitebsk, região de Glebocki, Bielorrússia; a aldeia de Podwilczyn, município de Debnica Kaszubska, Pomerânia, Polônia.
1093. Podjacki, Podjadek, Podjatzki - refeição, lanche, merenda.
1094. Podkomorzy - camareiro, camerlengo.
1095. Poganka - trigo-sarraceno (gênero Fagopyrum).
1096. Polach, Polachowicz, Polachowski, Polack, Polacki, Polaczek, Polacz, Polaczkiewicz, Polaczuk, Polaczy, Polaczyk, Polaczynski, Polak, Polakow, Polakowicz, Polakowski, Polakowice - polonês, procedente da Polônia; mas também, camponês, trabalhador rural, paisano. Ambos os sentido são convergentes.
1097. Polcik, Polcikiewicz, Polcin, Polcoch, Polcuch, Polec, Polech, Polzeniusz, Polzer, Polzner - patronímico amplo que pode corresponder ao nome Leopold (Leopoldo em português), ao nome Hipolit (Hipólito em português) ou ao nome Apoloniusz (Apolônio em português).
1098. Polcin, Polcyn, Polzin, Polzin - toponímico amplo que pode se referir às seguintes localidades na Polônia: o assentamento de Poczyn, município de Niepolomice, distrito de Wieliczka, Pequena Polônia; a aldeia de Polczyno (nome alemão Polzin), município de Puck, distrito de Puck, Pomerânia; a cidade de Polczyn-Zdroj, distrito de Swidwin, Pomerânia Ocidental; a aldeia de Polczyno, município de Lipiany, distrito de Pyrzyce, Pomerânia Ocidental; a aldeia de Polczynska, município de Polczyn-Zdroj, distrito de Swidwin, Pomerânia Ocidental; o assentamento de Polczynek, município de Bytow, distrito de Bytow, Pomerânia.
1099. Polej, Polejewski, Polejowski - um tipo de hortelã (gênero Mentha). Ou ainda, um toponímico referente a Polejki, vila no município de Jonkowo, distrito de Olsztyn, Wármia-Masúria, Polônia.
1100. Polz, Poltz, Polzer, Polzner, Polcz - toponímico referente a Polz, antiga cidade independente em Mecklemburgo-Pomerânia, Alemanha, e atualmente parte de Domitz-Malliss, distrito de Ludwigslut-Parchim.
1101. Polum, Pollum, Polun, Pollun, Polom, Polomiec, Polomka, Polomski - toponímico referente à aldeia de Polom Maly, município de Iwkowa, distrito de Brest, Pequena Polônia, Polônia; ou ainda, um toponímico correspondente a Polomia, que pode ser: uma aldeia no município de Pilzno, distrito de Debica, Subcarpácia; uma aldeia no município de Niebylec, distrito de Strzyzow, Subcarpácia; uma aldeia no município de Tworog, distrito de Tarnowskie Gory, Silésia; uma aldeia no município de Mszana, distrito de Wodzislaw, Silésia; todas na Polônia.
1102. Pomaz, Pomazana, Pomazanek, Pomazanka, Pomazanko, Pomazany, Pomazanski, Pomazan - alcatrão de carvão; ou ainda, unguento, ungido, algo que unge.
1103. Pomes, Pomesna, Pomesny, Pomezanski, Pomezna, Pomezny - laço, fio, corda, chicote; genericamente, a profissão de cordoeiro.
1104. Pomezanski - procedente da Pomesania - território do antigo Ducado da Prússia entre os rios Nogat e Vístula.
1105. Pomorin, Pomorski, Pomoryn, Pomorynko, Pomoryno, Pomorzanskie, Pomorzanski, Pomorzewski, Pomorzynski - pomerano, procedente da Pomerânia.
1106. Poniedzialek, Poniedziela, Poniedzielnik, Poniedzielnik, Poniedzielski, Poniedzielko, Poniedzilek - segunda-feira.
1107. Pop, Popek, Popko, Poposki, Popowski - padre ortodoxo.
1108. Popiel, Popiela, Popielacz, Popielak, Popielar, Popielarczak, Popielarz, Popielarczyk, Popielarek, Popielarski, Popielas, Popielasz, Popielaski, Popielasta, Popielasty, Popielec, Popielnik, Popielorz, Popielek, Popielka, Popil, Popiol, Popiolek, Popiolka - cinzas, poeira de cinzas; serve para denominar um profissional que trabalha com cinzas. Também pode ser um patronímico relacionado ao nome medieval Popiel, Popel ou Papyl (sem correspondente em português), que foi usado por importantes governantes eslavos. Ou ainda, pode ser um toponímico referente aos seguintes lugares na Polônia: a aldeia de Popielawy, município de Rokiciny, distrito de Tomaszow, província de Lodz; a vila de Popielarnia, município de Potok Wielki, distrito de Janowski, província de Lublin; a aldeia de Popielarka, município de Ploniawy-Bramura, distrito de Makow, Mazóvia; a vila de Popielarz, município de Tarczyn, distrito de Piaseczno, Mazóvia; a aldeia de Popielarnia, município de Wiskitki, distrito de Zyrardow, Mazóvia; a aldeia de Popielarnia, município de Wielgomlyny, distrito de Radomsko, província de Lodz; a aldeia de Popielarz, município de Malanow, distrito de Turek, Grande Polônia. Igualmente, pode ser uma alcunha relacionado a dois animais: o leirão cinzento (Glis glis) e um pássaro do gênero Cisticolidae.
1109. Porzycki - toponímico referente a aldeia de Purzyc, município Lubowidz, distrito de Zuromin, Mazóvia, Polônia.
1110. Posen, Pozen, Poznan, Poznanski, Poznar, Poznarowczyk, Poznarowicz, Pozner, Poznerowicz - toponímico referente à cidade de Poznan (nome alemão Posen), distrito de Poznan, Grande Polônia. Também pode se referir à região da Posnania, uma das antigas denominações de toda área ao redor de Poznan. Em sentido mais estrito, pode remeter à aldeia de Poznan, município de Seromkola, distrito de Lukow, província de Lublin, Polônia. Poznan também é um antigo nome masculino eslavo que significa aproximadamente sábio, conhecedor, inteligente.
1111. Post, Postek, Poster, Postnik, Postnikoff, Postnikow, Postowicz, Postowski - jejum, jejum determinado pela Igreja em determinadas épocas, Quaresma.
1112. Postel, Postell, Postol, Postolak, Postolenko, Postolka, Postolski, Postoluk, Postola, Postolek, Postolow, Postolowicz, Postolowski - patronímico do nome próprio masculino Apostol (Apóstolo em português), que nos países eslavos é usado como alcunha pessoal. Também pode ser um toponímico referente aos seguintes lugares na Polônia: a aldeia de Postolika, município de Tluszcz, distrito de Wolomin, Mazóvia; a aldeia de Postolice (nome alemão Poselwitz), município de Wadroze Wielkie, distrito de Jawor, Baixa Silésia; a aldeia de Postolin (nome alemão Pestlin), município de Sztum, distrito de Sztum, Pomerânia; a aldeia de Postolin, município de Milicz, distrito de Milicz, Baixa Silésia; a aldeia de Postolowo, município de Hajnowka, distrito de Hajnowka, Podláquia. Em sentido mais estrito, pode ainda corresponder à cidade de Postoloprty (nome alemão Postelberg), República Tcheca.
1113. Potrac, Potraca, Potracki, Potratz, Potratzki - dedução ou compensação. No antigo direito medieval, quando um credor tornava-se devedor de outro e vice-versa. Usa-se para denominar alguém que recebeu um bem ou herança por compensação.
1114. Potrukaniec, Potrukus, Potrych, Potryk, Potryka, Potrykala, Potrykas, Potrykowski, Potrykus - relutante, alguém que não se submete a um direito outrora expresso. Ou um patronímico do nome Patryk (Patrício em português).
1115. Pozycki - toponímico referente à aldeia de Puzyce, município de Leczyce, distrito de Wejherowo, Pomerânia, Polônia.
1116. Poltorak, Poltorakiewicz, Poltorakowski, Poltoranos, Poltorczak, Poltorczyk, Poltorek, Poltorniak - sobrenome com sentido amplo. Pode significar: meio-centavo, meia-moeda; uma espécie de mel silvestre de sabor forte e marcante; um carro rural largo; um grande vaso de barro para líquidos; e por fim, alguém que ascende à nobreza tendo nascido plebeu (uso pejorativo).
1117. Pradel, Pradela, Pradelak, Pradelis, Pradella, Pradellis, Pradlewski, Predal, Predalle, Predehl, Predil, Predela, Predella, Preder  - frágil, quebradiço, fraco, ralo.
1118. Pranczak, Pranczek, Pranczk, Pranczka, Pranczke, Pranczyk, Pranga, Prange, Pranschke, Pranszchke, Pranszke, Pranske - dorso, dorsal, se diz de uma listra de cor diferente da padrão no dorso de um animal que o percorre paralela ao corpo. Pode ainda designar algo luzente, que brilha, que sobressai. Risca, traço. Pode, por isso, se referir a uma característica física. Também pode se referir a um tipo de corte de carne.
1119. Prejna, Pren, Prena, Priner, Prinke, Proehnke, Proena, Pron, Pronk, Pronka - uma espécie de grande prego de metal.
1120. Premka, Premke, Primka, Primke, Primko, Proma, Promka, Prymka - o ato de mascar tabaco ou, figurativamente, ruminante, animal ruminante.
1121. Prengowski, Preg, Prega, Pregal, Pregowski - tarja, risca, traço, canela.
1122. Prib, Priba, Pribe, Prieba, Priebe, Pryba, Prybe, Pryber, Prybich, Prybicho - patronímico dos antigos nomes masculinos polacos Przyb, Przybo ou Przyba. Também pode ser um patronímico dos nomes masculinos polacos Przybyczesc, Przybygniew, Przybyslaw, Przybymir ou Przybyrad. Também pode ser um toponímico relacionado aos seguintes lugares na Polônia: o município de Przybiernow, distrito de Goleniow, Pomerânia-Ocidental; a aldeia de Przybyslawice, município de Zielonka, distrito de Krakow, Pequena Polônia; a aldeia de Przyborow, município de Jelesnia, distrito de Zywiec, Silésia; a cidade de Przybam (nome alemão Pribam), na República Tcheca; a aldeia de Przyborow, município de Borzecin, distrito de Brest, Pequena Polônia; a aldeia de Przyborowice, município de Bogoria, distrito de Staszow, província de Santa Cruz; a aldeia de Przyborze, município de Lobez, distrito de Lobez, Pomerânia Ocidental; a aldeia de Przyborow, município de Winsko, distrito de Wolowski, Baixa Silésia; a aldeia de Przyborow, município de Nowa Sol, distrito de Nowa Sol, Lubúsquia; a aldeia de Przyborow, município de Slonsk, distrito de Sulecin, Lubúsquia. 
1123. Pribbenow, Pribbnow, Pribnow - toponímico referente ao município de Przybiernow (nome alemão Pribbernow), distrito de Goleniow, Pomerânia-Ocidental.
1124. Pril, Prilewski, Prill, Pryl, Pryla, Prylewski - espécie de área plana e úmida de um relevo em que abundam pequenos arbustos.
1125. Promien, Promienski, Prominski, Promyk - feixe de luz, fonte de luz. Remete ao antigo ofício de acendedor dos lumes de uma aldeia, comuna ou burgo.
1126. Propa, Propaczek, Propaczewski, Prope, Propp, Proppe - rolha, cortiça, ou ainda, a boia existente numa rede de pesca.
1127. Prusal, Prusala, Prusau - patronímico do nome eslavo masculino Prus. Ou ainda, prussiano, procedente da Prússia.
1128. Prustk, Prustka, Prustke, Pruszcz, Pruszczak, Pruszczenski, Pruszczynski - toponímico referente aos seguintes lugares na Polônia: o município de Pruszcz, distrito de Swiecie, Cujávia-Pomerânia; a aldeia de Pruszcz (nome alemão Prust), município de Gostycyn, distrito de Tuchola, Cujávia-Pomerânia; a aldeia de Pruszcz (nome alemão Ratheide), município de Kalisz, distrito de Drawsko, Pomerânia Ocidental; a vila de Pruszcz, município de Brojce, distrito de Gryfice, Pomerânia Ocidental; a cidade de Pruszcz Gdanski (nome alemão Praust), distrito de Gdansk, Pomerânia.
1129. Pryczek, Pryczka, Pryczkowski, Pryk, Pryka - flato, flatulência, barra, vara. Figurativamente: homem desprezível.
1130. Przedcieczenski, Przedcieczynski, Przedcieszynski - sobrenome religioso de origem cristã ortodoxa que remete a São João Batista, considerado o "precursor do Senhor". Por isso. o significado do nome é precursor, antecessor. 
1131. Przybyciel, Przybycien, Przybycin, Przybyl, Przybyla, Przybysz, Przybyszek - recém-chegado, forasteiro, migrante.
1132. Przybyszewski - toponímico referente a Przybyszew - um aldeia no município de Promna, distrito de Bialobrzegi, Mazóvia, Polônia; uma aldeia no município de Olszowka, distrito de Kolo, Grande Polônia, Polônia.
1133. Przysucha, Przysuszynski - toponímico referente à cidade de Przysucha, distrito de Przysucha, Mazóvia, Polônia.
1134. Przytarski - toponímico referente à vila de Przytarnia, município de Karsin, distrito de Koscierzyna, Pomerânia, Polônia.
1135. Pstrag, Pstragowski, Pstrang, Pstreg, Pstregowski, Pstronek, Pstrong, Pstrongowski - truta (Salmo trutta).
1136. Ptach, Ptaczek, Ptaczkiewski, Ptak, Ptasiewicz, Ptasik, Ptasikiewicz, Ptasinski, Ptaszek, Ptasik, Ptaszewski, Ptaszkiewicz, Ptaszkowska - pássaro, ave. É usado para denominar alguma característica física, por isso de sentido muito amplo. Também pode ser um toponímico relacionado aos seguintes lugares na Polônia: a aldeia de Ptaszki, município de Mordy, distrito de Siedlce, Mazóvia; a aldeia de Ptaszkowo, município de Grodzisk, distrito de Grodzisk, Grande Polônia.
1137. Pubac, Pubacki, Pubanc, Pubaniewicz, Pubanz - toponímico referente à aldeia de Pobadz (nome alemão Pobanz), município de Tychowo, distrito de Bialogard, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1138. Puch, Puchowicz - designa genericamente uma família composta primeiramente por um casal, no sentido de "fogo, lareira" (de uma casa). Deve se considerar também a possibilidade de corresponder ao item posterior.
1139. Pucher, Pucherski, Puchert - patronímico do nome Polikarp (Policarpo em português). Deve se considerar também a possibilidade de corresponder ao item anterior.
1140. Pudewil, Pudwel - toponímico referente a aldeia de Podwilcze (nome alemão Podewils), município de Bialogard, distrito de Bialogard, Pomerânia Ocidental, Polônia. Também pode ser um toponímico correspondente: a aldeia de Podwilk, município de Jablonka, distrito de Nowy Targ, Pequena Polônia, Polônia; ao assentamento de Podswile, município de Vitebsk, região de Glebocki, Bielorrússia; a aldeia de Podwilczyn, município de Debnica Kaszubska, Pomerânia, Polônia.
1141. Pultorak, Pultorakiewicz, Pultorakowski, Pultoranos, Pultorniak, Putorak - sobrenome com sentido amplo. Pode significar: meio-centavo, meia-moeda; uma espécie de mel silvestre de sabor forte e marcante; um carro rural largo; um grande vaso de barro para líquidos; e por fim, alguém que ascende à nobreza tendo nascido plebeu (uso pejorativo).
1142. Pup, Pupa, Pupacz, Pupek, Pupel, Pupiallo, Pupialo, Pupiec, Pupienin, Pupik, Pupka, Pupkiewicz, Pupko, Pupkowski, Puplewicz, Pupp, Puppa, Puppe, Puppel - boneco, títere. Tende a significar figurativamente filho amado, filho predileto. Ou ainda, alguém que possui os trejeitos e o andar cambaleante de um títere, boneco de cordas.
1143. Purcki, Purda, Purdak, Purdenko, Purdewski, Purdyk, Purdyn - toponímico referente à cidade de Purda (nome alemão Purden), distrito de Olsztyn, Wármia-Masúria, Polônia.
1144. Purta, Purtak, Purtal, Purtas, Purtek, Purto, Purtok, Purton, Purtowski, Purtul, Purtulak - flato, flatulência. Alguém muito magro ou alguém que possui odor desagradável.
1145. Purzecki, Purzyc, Purzycki - toponímico relacionado a dois lugares na Polônia: a aldeia de Purzec, município de Siedlce, distrito de Siedlce, Mazóvia; a aldeia de Purzyc, município de Lubowidz, distrito de Zuromin, Mazóvia.
1146. Putkamer - camareiro, camerlengo.
1147. Pych, Pycha, Pyszalek, Pyszka, Pyszkiewicz, Pyszko, Pyszkowski, Pyszkow, Pyszny - orgulho, orgulhoso, vaidoso.
1148. Pyrcha - fugitivo, migrante, forasteiro.
1149. Pyrich, Pyrzewski, Pyrzycki - toponímico referente à cidade de Pyrzyce (nome latino Piriseum ou Pirissa; nome alemão Pyritz), distrito de Pyrzyce, Pomerânia Ocidental, Polônia.
1150. Pyrka, Pyrkowski - uma espécie de arenque (não identificado) na região cassúbia; espécie de prato típico com batatas, farinha e leitelho; ou ainda, cerca de ovelhas, fazenda de ovelhas.

















Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...