domingo, 21 de fevereiro de 2016

Jogo festivo internacional no Capão do Leão em 1915

Trecho extraído de: O CORREIO, 12 de Julho de 1915, pág. 3, col. 1

Match commemorativo
Effectuou-se ante-hontem no Capão do Leão, um match commerativo de foot-ball entre representantes das ligas sportivas de Pelotas e um combinado de athletas da Liga Uruguaya. Após o termino do animado match, em que os brazileiros lograram êxicto com dous goals contra hum dos uruguayos, a Cia Franceza ofereceu aos presentes sandwichs e suco de uva.

Pela occasião, discursaram o sr. Simon, engenheiro da Cia. Franceza, o sr. João Taddey e o representante da Liga Uruguaya, após calorosos vivas em que se celebraram o Brazil, o Uruguay e a França.”

Significado e origem de sobrenomes alemães - Parte 47


716. Koslowski: sobrenome poligenético de origem polonesa comum na Alemanha, concentrando-se em especial no norte do país: Baixa Saxônia, Saxônia-Anhalt, região de Berlim, Brandemburgo e Mecklemburgo-Pomerânia.  O sobrenome tornou-se corrente nas regiões da atual Alemanha durante os séculos XVIII e XIX graças à expansão prussiana. Etimologicamente o sobrenome estaria relacionado a dois termos da língua polaca medieval:
1 - O substantivo Koza ou Kozla que significa cabra, designando assim um pastor de cabras.
2 - O substantivo Kosa ou Kosz que significa cesto, objeto côncavo, podendo designar um fabricante de cestos, um fabricante de sacos de couro, um fabricante de sacos de pano, ou ainda um habitante de um vale ou depressão.
O sufixo wski funciona como patronímico ou indica pertencimento a uma linhagem ou grupo social.
Variantes:
Koslowsky, Koslovski, Koslovsky, Koslofski, Koslofsky - variantes comuns.

717. Geist: sobrenome poligenético que significa espírito ou intelecto. Provém etimologicamente do termo homônimo do alto alemão medieval com os mesmos sentidos. É um sobrenome cujo real significado não está necessariamente vinculado à palavra atual. Segundo o pesquisador Udo Wilhelm, Geist seria a evolução do vocábulo geest que significa terra seca, lugar alto, em oposição à zona úmida dos vales. Por isso, o sobrenome designa o habitante de um lugar seco e alto. O sobrenome ainda pode ser uma forma curta de Heiligen Geist (Espírito Santo), correspondendo assim a um morador ou a uma pessoa que tem vínculo com um lugar que ostente o nome "Espírito Santo" - podendo ser uma capela, uma aldeia, uma abadia, um burgo, etc. 
Numa acepção mais estrita, o sobrenome pode ainda designar pastor de cabras, caso das linhagens do norte do Reno (mas isso não é consenso na Genealogia).
O sobrenome é atestado desde o século XVI e concentra-se principalmente no Hesse e parte de Baden-Wüttemberg.
Variantes:
Geists, Geistes - variantes no genitivo da língua alemã.
Geiste, Geister - variantes no plural da língua alemã.
Gaist, Gayst, Geyst - variantes arcaicas.

718. Fuss: sobrenome poligenético que significa pé, sendo que no sul da Alemanha e na Áustria pode ser usado para denominar perna e pé, no sentido de membros inferiores. Etimologicamente provém tanto do latim pes quanto do grego podos, em ambos com o mesmo sentido. De acordo com o site Mittelhessen, o sobrenome designa pessoa de pé grande ou pessoa que possui pés com características particulares (peludo, esquálido, machucado, perneta, etc.). Fuss também é considerado com muito segurança um vocábulo metafórico para designar pessoa de muita força nas pernas, corredor. O sobrenome data do século XIV e concentra-se principalmente no sudeste da Alemanha.
Variantes:
Rauchfuss - variante que significa literalmente pé peludo.
Klumpfuss - variante que significa literalmente pé torto.
Kinderfuss - variante que significa literalmente pé de criança.
Plattfuss - variante que significa literalmente pé chato.
Sesselfuss - variante que significa literalmente pé de cadeira.
Fuhs - variante mais comum no noroeste da Alemanha.
Fus - variante comum.
Füsses -variante no genitivo da língua alemã.
Füsse - variante no plural da língua alemã.
Fod - variante na língua dinamarquesa.
Fouss - variante na língua luxemburguesa.
Voet - variante na língua holandesa.
Fot - variante nas línguas norueguesa e sueca.
Fuas, Tschagga, Scheiche - variantes no dialeto alemânico.
Fuas - variante no dialeto bávaro.
Quante - variante no dialeto berlinense.
Fööss - variante no dialeto kölsch.
Fuass, Fiass - variante no dialeto suábio.

719. Speck: sobrenome poligenético que significa bacon ou toucinho, mas deve ser entendido para entendimento do sobrenome como gordura, adiposidade, gordura do quadril, gordura da nádega. Etimologicamente remonta ao século X, quando registra-se o termo do alto alemão medieval spekk, aparentado com o antigo nórdico spik, sendo que ambos tendem a possuir os significados acima descritos. Por estas razões, é um sobrenome com diferentes interpretações, a maioria mais ou menos aceita pelos genealogistas. São elas:
1 - O comerciante de carne de porco (muito provável).
2 - O comerciante de gorduras animais (interpretação também muito sustentada pela Genealogia).
3 - Um chacurteiro.
4 - Uma pessoa com quadril gordo ou nádegas proeminentes.
5 - Um topônimo para paisagem entremeada, isto é, um local com diversidade de colinas ou formações florestais dando a impressão visual de "camadas". Há vários locais na Alemanha e na Áustria com o nome Speck.
O sobrenome é mais ou menos bem distribuído na Europa de língua alemã. Data do século XIV.
Variantes:
Specks, Speckes - variantes no genitivo da língua alemã.
Specke - variante no plural da língua alemã.
Spek, Spekk, Spekke, Spekkes, Speks, Spekks - variante antigas.
Späck, Spack, Späk, Spak, Spake, Spakner - variante mais comuns no leste e sudeste da Alemanha.
Speckner - variante mais comum na região renana.
Spyrka - variante polonesa antiga.
Speckig - variante que significa gorduroso.
Spekis - variante na língua letã.
Spack - variante na língua sueca.
Specher, Speicher, Speycher - variantes encontradas na Westfália e Baixa Saxônia.
Speckrin - variante no diminutivo da língua alemã.
Speckmann, Spekmann - variantes acrescidas do sufixo mann.
Specker - variante adjetivada.

720. Hauptmann: sobrenome poligenético que significa capitão no alemão moderno. Etimologicamente é uma aglutinação dos termos Haupt (cabeça, principal) e Mann (homem). Todavia, seu real significado deve ser compreendido como comandante de um grupo, supervisor geral de uma coletividade, chefe-geral. O esclarecimento é necessário pois a função de Hauptmann seja na Idade Média, seja na Idade Moderna, seguramente correspondia a postos de trabalho que iam além do contexto militar. Muitas vezes, o Hauptmann era comumente uma espécie de chefe de um órgão público qualquer. Todavia, isso não exclui que Hauptmann também designasse o capitão de exército. 
No alto alemão antigo, já são registradas as formas haubitmann e houbetmann
Aparentemente o sobrenome data do século XIII e ocorre de forma mais ou menos uniforme em toda a Alemanha e a Áustria.
Variantes:
Hauptman - variante comum.
Hauptmanns, Hauptmanne - variantes no genitivo da língua alemã.
Hauptmänner - variante no plural da língua alemã.
Haubtmann, Haubtman - variantes no baixo alemão.

721. Procházka ou Prochazka: sobrenome poligenético de origem boêmia (República Tcheca) com concentrações importantes no sudeste da Alemanha e destacada frequência no leste da Áustria. Seu significado é caminhada, etimologicamente aparentado com o verbo da língua tcheca prochazet que significa vagar. O sobrenome surgiu por volta de século XV e designa um estudante ou aprendiz de uma loja artesanal que "fez sua caminhada", no sentido de concluinte. Isto é, alguém que atingiu o grau de oficial em uma profissão. Em alguns casos, o sobrenome é interpretado como sinônimo de vagante, caminhante, pessoa errante, mas não há consenso sobre isso. 
Procházka também nomeia uma família nobre importante da Boêmia do século XVI.
Obviamente, o sobrenome é tipicamente frequente na República Tcheca, além das regiões supracitadas. 
Variantes:
Prochaska, Procháska, Prohaska, Prohazka - variantes comuns.

722. Leopold: sobrenome patronímico que significa filho de Leopold. Leopold (Leopoldo em português) é um primeiro nome da língua alemã derivado do nome Liutbald do alto alemão antigo que significa pessoa guerreira, pessoa corajosa. A popularidade do nome na Idade Média se deve a uma dinastia de margraves da Áustria, em especial Leopoldo III, o Santo (1073-1136), aliás considerado padroeiro nacional daquele país. O sobrenome está mais ou menos distribuído de forma regular em toda a Europa de língua alemã, mas é inequívoca sua forte concentração na Áustria. Data do século XIII.
Variantes:
Leopoldt, Leopolt, Leopolde - variantes comuns.
Leutold - variante encontrada na região de Berlim.
Lupold, Luitpold, Luitbolt, Luitpolt, Luitbolt - variantes arcaicas.
Liutold - variante encontrada no sul da Áustria.
Leuthold - variante encontrada na Suíça, Áustria e sul da Alemanha.
Liutbold, Liutpold, Liutbolt, Liutbolt - variantes arcaicas do norte da Alemanha.
Lebold - variante encontrada no Sarre.
Leibel - variante comum no Palatinado e Alsácia.
Leibelt - variante do centro-leste da Alemanha.
Leipelt - variante do sudeste da Alemanha e Áustria.
Liepelt - variante do norte da Alemanha.
Leibold, Leibolds, Leipold - variantes comuns na Baviera e Baden-Wüttemberg.
Leybold, Laipold - variantes do sul da Alemanha e Áustria.
Leypold - variante encontrada em Baden-Wüttemberg.
Leiboldt, Leyboldt - variantes do norte da Alemanha.
Liebaldt, Liebold, Liebhold, Leupold, Leubold, Leibhold, Leubel - variantes distribuídas do centro-norte ao oeste da Alemanha.
Liebel - variante do centro-oeste da Alemanha.
Löbell, Loebell, Lobell, Löbel, Loebel - variantes do antigo Reino da Prússia.
Löbl - variante curta da Suábia.
Leupelt - variante encontrada na Westfália.
Lewbold - variante encontrada na Baixa Saxônia.
Lüpold - variante encontrada na Saxônia e Brandemburgo.
Poldi - variante no diminutivo.

723. Wunder: sobrenome poligenético que significa milagre, algo maravilhoso, algo inexplicável. Etimologicamente provém do alto alemão antigo wuntar com o mesmos sentidos, mas também como sinônimo de choque, surpresa. A origem do substantivo não é clara, por isso não há consenso sobre o significado do sobrenome. São hipóteses aceitas uma referência física ou comportamental, talvez um traço de caráter que se destaque. Na Saxônia medieval, o vocábulo servia para denominar o pigmento azul extraído de minas de cobalto utilizado em cerâmica. Neste caso, poderia denominar o mineiro de minas de cobalto, o comerciante de cobalto ou um porcelanista. O sobrenome é registrado desde o século XV e distribui-se mais ou menos uniformemente na Alemanha, com uma pequena concentração na linha limítrofe bávara-turíngia.
Variantes:
Wunders - variante no genitivo da língua alemã.
Wunderer - variante arcaica.
Wunderl, Wunderls, Wunderle, Wunderli, Wunderlin - variantes associadas ao sul da Alemanha e Suíça.
Wunderlich - variante que significa lunático, maluco, louco.

724. Laub: sobrenome poligenético que significa folha caduca, decídua (isto é, que caiu ao chão) aproximadamente, mas trata-se de um termo que descreve mais precisamente o conjunto de folhas caducas no chão (e outros resíduos orgânicos vegetais) - cenário tipicamente outonal na Europa Central. Etimologicamente provém do termo do antigo germânico lauba com o mesmo sentido. Designa um habitante de uma paisagem com muitas folhas caducas. Entretanto, figurativamente pode também designar uma pessoa de aspecto doente fisicamente - isto é, representando a palidez e a fragilidade de uma "folha morta".
O sobrenome é mais comum no norte da Alemanha.
Variantes:
Laube - variante comum no noroeste da Alemanha.
Lauber, Laubmann - variantes relacionadas.

725. Hauer: sobrenome poligenético que significa mineiro. Etimologicamente provém do termo do alto alemão medieval haue que corresponde a abate, arranque, corte. Neste aspecto dos significados antigos, surge uma outra possível correspondência: Hauer também é uma palavra usada entre caçadores para designar a presa do javali, por isso em um contexto mais estrito pode denominar igualmente caçador de javalis. Contudo, admite-se que a explicação inicial é preponderante do ponto de vista da Genealogia.
Na Áustria designa um enólogo (Weinhauer).
O sobrenome concentra-se mais no oeste e no norte da Alemanha, mas se estende regularmente em toda a Europa de língua alemã.
Variantes:
Hauers - variante no genitivo da língua alemã.
Hauern - variante no plural da língua alemã.
Huggare - variante na língua sueca.

726. Mahr (1a. vertente): sobrenome poligenético que significa lago, pântano, vala. Etimologicamente provém do termo homônimo do baixo alemão medieval com o mesmo sentido.
Mahr (2a. vertente): sobrenome poligenético ou patronímico derivado historicamente do alto alemão antigo mari que significa famoso, lindo, grande. 
Quanto à sua distribuição não há uma região específica na Alemanha que agrupe um maior número de famílias com esse sobrenome, pois ele ocorre irregularmente do oeste ao leste.
Variantes:
Marhs, Marr, Mar, Marre, Maar - variante relacionada.
Mehrs, Mers - variantes na língua gótica.

727. Bruder: sobrenome poligenético que significa irmão. Provém etimologicamente do alto alemão medieval bruoder com o mesmo sentido. O sobrenome pode designar simplesmente um irmão, sendo que, no caso, muito provavelmente alguém que é irmão consanguíneo de um nobre ou guerreiro importante. Todavia, o sobrenome também pode designar um membro leigo de um ordem religiosa regular ou um membro de uma fraternidade universitária, profissional ou de outra natureza. O sobrenome concentra-se especialmente em Baden-Wüttemberg, com alta ocorrência na sua região ocidental.
Variantes:
Bruder, Bruders, Bruderin - variantes comuns.
Brüder - variante no plural da língua alemã.
Breur - variante na língua bretã.
Bralis - variante na língua letã.
Bruols - variante na língua latgalian.
Brolis - variante na língua lituana.
Braar - variante no dialeto da Ilha de Man.
Broer, Broeder - variantes na língua holandesa.
Bror - variante na língua norueguesa.
Brat - variante na língua polonesa.
Bror - variante na língua sueca.
Brats - variante na língua sérvia.
Bratr - variante na língua tcheca.
Broder - variante no dialeto kölsch.
Bruda, Brula - variante no dialeto do Palatinado.
Atze - variante no dialeto berlinense.

728. Knopp: sobrenome poligenético que significa botão. Provém etimologicamente do baixo alemão medieval knoop com o mesmo sentido. No alemão moderno vigora a forma knopf para botão. De acordo com o pesquisador Peter Knopp o sobrenome possui três acepções possíveis:
1 - Denomina a profissão de Knopfmacher, isto é, fabricante de botões, que inclui também a fabricação de cintos, fivelas, adereços de vestuário, etc., e até teclas para pianos e outros instrumentos musicais.
2 - Designa alguém que trabalha com laços ou nós (impreciso).
3 - Uma forma figurada para denominar homem pequeno e gordo.
O sobrenome data do século XIV e ocorre principalmente na região de Westerwaldkreis, na Renânia-Palatinado, em também com focos importantes na Renânia do Norte-Westfália e Baviera.
Variantes:
Knopf, Knopff, Knopfs, Knopfes, Knöpfe, Knopfe, Knouf - variante relacionadas ao alto alemão.
Knop, Knoppe, Knoppen - variantes relacionadas ao baixo alemão.
Knopfmacher - variante que significa literalmente fabricante de botões.
Knapp - variante na língua sueca.
Chnopf - variante na língua alemânica.

729. Salomon: sobrenome patronímico que significa filho de Salomon. Salomon (Salomão em português) é um primeiro nome da língua alemã, popular desde a Idade Média graças ao rei hebreu homônimo descrito na Bíblia. Embora não seja uma regra estrita, a maioria das linhagens de Salomon tende a ser judias (ashkenazi). O sobrenome data do século XII e concentra-se na metade sul da Alemanha.
Variantes:
Salomons, Solomon, Solomons, Salomo - variantes comuns.
Shlomo, Schlomo - variantes judaicas.
Salenmon - variante prussiana.
Saluman - variante arcaica.

730. Strunk: sobrenome poligenético que significa talo, tronco de árvore, objeto baixo e oblongo. Provém etimologicamente do alto alemão medieval strunc com o mesmo sentido. Designa figurativamente pessoa baixa atarracada, bem como na região do Báltico um tipo de vestimenta agrícola com formato parecido. O sobrenome concentra-se na Renânia do Norte-Westfália. Data do século XV.
Variantes:
Strunks, Strunkes - variantes no genitivo da língua alemã.
Strünke - variante no plural da língua alemã.
Strunck, Struncks, Struncke - variantes do norte da Alemanha.
Strunkis - variante da região do Báltico.
Striuke - variante encontrada na Lituânia.
Strunkeit - variante na região da Prússia Oriental.
Strunkait, Strunkys, Strunka - variantes relacionadas.











Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...