sábado, 3 de junho de 2017

Significado e origem de sobrenomes alemães - Parte 58


876. Peglow: sobrenome toponímico referente à aldeia de Gogolewo (nome alemão Pegelow), município de Marianowo, distrito de Starogard, Pomerânia Ocidental, Polônia. Designa portanto a pessoa procedente desta localidade. É tipicamente pomerano.
Variantes:
Pegelow, Pekelow, Peklow, Pegelau, Peglau - variantes comuns.

877. Rhein: sobrenome toponímico que significa procedente do Reno (rio). O rio Reno é um dos principais rios europeus, cuja nascente se encontra nos Alpes, no cantão suíço de Grisões. De importância histórica, cultural, econômica, geográfica enorme na Alemanha, corta o país em sua metade ocidental, de norte a sul. Na Alemanha, o sobrenome se concentra principalmente no oeste do país, com pequena concentração no norte de Baden-Württemberg e sudeste da Renânia-Palatinado. Data aproximadamente do século XVI.
Variantes:
Rein - variante simples.
Rain, Rhain - variantes comuns, também encontradas no dialeto romanche.
Rhin - variante na língua francesa.
Reno - variante na língua italiana.
Rijn - variante na língua holandesa.
Rheiner, Reiner, Rainer, Rhainer - variantes derivadas.

878. Dombrowski: sobrenome toponímico germanizado do original polaco Dabrowski, que significa procedente de Dabrowka. Dabrowka é um nome de lugar muitíssimo comum na Polônia, se repetindo mais de 100 vezes em diferentes províncias. O topônimo também pode ser encontrado na Ucrânia, República Tcheca e Lituânia. Também pode ser um toponímico de Dabrowa - outro nome de lugar extremamente comum na Polônia (igualmente mais de 100 locais diferentes). Tanto Dabrowka quanto Dabrowa significam corneta
Na Alemanha, a forma Dabrowski é encontrada desde 1386. A forma Dombrowski é atestada primeiramente em 1674.
Domborwski na Alemanha é um sobrenome concentrado no norte, principalmente no noroeste da Saxônia-Anhalt, sul da Baixa Saxônia e centro e centro-norte de Mecklemburgo-Pomerânia.
Variantes:
Dabrowski - variante polaca imediata.
Dombrowsky, Dombrovsky, Dombrovski - variantes comuns.
Dabrowsky - variante polaca anglicizada nas Américas.
Dombrovskis - variante comum na região do Báltico.
Dumbrowski - variante encontrada no norte da Polônia.

879. Kolmar: sobrenome toponímico que significa procedente de Kolmar ou procedente de Kollmar. No caso, o topônimo pode se referenciar a diferentes locais, os quais:
1. O município de Kollmar, no distrito de Steinburg, Schleswig-Holstein, Alemanha.
2. O antigo condado de Kolmar (ou Colmar), na Alsácia-Lorena.
3. Um antigo condado denominado de Kolmar-in-Posen, que existiu entre 1821 e 1920, onde hoje se encontra a cidade de Chodziez, província da Grande Polônia, Polônia.
Na Alemanha, o sobrenome encontra-se distribuído no oeste e no norte do país, com pequena concentração na região de Berlim e Brandemburgo.
Variantes:
Kollmar - variante comum.
Colmar, Collmar - variante mais comum nas zonas próximas à fronteira franco-alemã, com concentração no Sarre.
Kulmer, Kullmer, Kulmar, Kullmar, Külmer, Kuelmer - variantes do oeste da Alemanha, com concentração no Sarre, Renânia-Palatinado e norte de Baden-Württemberg.
Kolmer, Kollmer - variante encontrada no centro-sul da Alemanha.

880. Bosenbecker (1a. vertente): sobrenome poligenético que significa aproximadamente padeiro ruim, padeiro fraco. É uma aglutinação dos termos do alto alemão medieval bose (ruim, fraco, inútil) e becke (pão, frumento). A forma Bosenbecker e a maioria de suas variantes indicam uma origem comum na antiga Prússia.
Bosenbecker (2a. vertente): sobrenome toponímico relacionado a Bosenbach - um município no distrito de Kusel, Renânia-Palatinado. A derivação correta é Bosenbacher. A forma Bosenbecker seria também uma aliteração encontrada no leste.
Variantes:
Bosenbeck, Bosembeck - variantes curtas.
Bosembecker, Bosenbecke, Bosembecke, Bozenbecker, Bozenbecke - variantes comuns.
Bosembacher, Bosenbach, Bosembach, Bosenbacker, Bosembacker - outras variantes.

881. Wortmann: sobrenome poligenético que significa homem que vive num monte. Essa versão é sustentada por Hans Markus Thomsen. Mais especificamente pode designar uma atribuição específica do contexto feudal a uma pessoa dentro da comunidade aldeã que habita numa elevação para vigiar tempestades que podem ocasionar inundações em zonas mais baixas. No noroeste da Alemanha, por exemplo, é comum encontrar antigas casas em montes dentro de uma comunidade que se assemelham a pontos de sentinela. O wortmann também poderia estar encarregado de avisar sobre possíveis invasões.
O sobrenome é resultado da aglutinação dos termos wurt (monte, morro, colina) e mann (homem).
Woortmann também pode estar associado à palavra do alto alemão medieval woord que significa o centro de uma cidade ou aldeia. 
Em ambas as acepções, o significado é convergente, pois várias cidadelas alemãs possui o seu "centro histórico" em zonas mais elevadas.
O sobrenome está concentrado no oeste da Alemanha, com forte ocorrência em toda a Renânia do Norte-Westfália. Data do século XV.
Variantes:
Wortman - variante comum.
Wurtmann, Wurtman, Wurthmann, Wurthman, Würtmann, Würtman, Würthmann, Würthman, Wuertmann, Wuertman, Wuerthmann, Wuerthman - variantes comuns.
Würth, Wuerth, Wurth, Würt, Wurt, Wuert - variantes curtas que significam monte.
Woordmann, Woordman - variantes arcaicas.
Woortmann, Woortman - variantes longas próprias do noroeste da Alemanha e Países Baixos.
Worde - variante encontrada em Herzfeld.
Worden - variante encontrada em Werne.
Wordemette- variante encontrada em Welbergen.
Wordemann - variante encontrada em Dülmen, Everswinkel, Goldenstedt, Harsewinkel, Nordkirchen, Selm, Stromberg, Warendorf e Werne.
Wordemanns - variante encontrada em Harsewinkel e Warendorf.
Worden - variante encontrada em Dolberg, Dülmen, Rheine e Welbergen.
Wordt - variante encontrada em Darfeld e Havixbeck.
Wort - variante curta encontrada em Amelsbüren, Borken, Darup, Dülmen, Haltern-am-See, Havixbeck, Hebern, Legden, Nordwalde Rheine e Vreden.
Wortbroke - variante encontrada em Billerbeck.
Worth - variante encontrada em Dülmen.
Worthenneke - variante encontrada em Herzfeld.
Wöhren, Wöhrden - variantes do noroeste e centro-norte da Alemanha.
Worthmann - variante encontrada na Baixa Saxônia e Renânia do Norte-Westfália.
Vortmann - variante do sul da Alemanha, Suíça e Áustria.
Fortmann - variante considerada uma aliteração comum a imigrantes alemães nas Américas.

882. Bohr: sobrenome com três acepções possíveis:
1. Uma forma patronímica curta do nome eslavo Borislav ou Boris;
2. Uma derivação do antigo termo eslavo borti que significa lutador, guerreiro;
3. Um profissional que usa ou trabalha com brocas, o que no contexto da Idade Média, aponta para um profissional moveleiro.
Na Alemanha, o sobrenome se concentra na Renânia-Palatinado e Sarre. Data do século XI.
Variantes:
Boro - variante arcaica.
Borisen, Borisch - variantes arcaicas encontradas no norte e leste da Alemanha.
Bohrer, Borer - variantes derivadas do norte da Alemanha.
Börer, Böhre, Bohre, Bohren, Bohrin, Böhrer, Boehr, Boehrer, Boehre - variantes relacionadas.
Boer - variante incerta.

883. Klump: sobrenome poligenético com quatro interpretações possíveis:
1. No alto alemão medieval, uma forma para designar caroço, coisa aglomerada, sendo figurativamente usado para designar homem áspero ou corpulento;
2. Também pode corresponder a torrão, pilha, podendo designar alguém que mora ao lado de um torrão ou pilha, ou ainda alguém que empilha algo (mormente um lenhador ou telheiro);
3. Uma forma na área do baixo alemão para designar moita;
4. Um toponímico para o nome de lugar Klump - que se repete quatro vezes na Alemanha.
5. No norte da Alemanha, uma forma regional para designar torta (de comer).
O sobrenome concentra-se no norte da Alemanha e data do século XV.
Variantes:
Klumb - variante simples.
Klumpp, Klumbb, Klumpe, Klumpen, Klumben - variantes relacionadas.

884. Rieth: sobrenome que pode ser um metanímico ou toponímico, com maior possibilidade no segundo caso. Rieth é um nome de lugar que se repete três vezes na Alemanha:
1. Um distrito de Erfurt, Turíngia.
2. Um distrito de Luckow, Mecklemburgo-Pomerânia.
3. Um distrito de Hildburghausen, Turíngia.
Quanto ao seu significado metanímico, o termo pode derivar como uma aliteração do termo "reet" ou "riet" que no baixo alemão quer dizer pântano, zona alagadiça.
Ocorre principalmente no sul do Hesse, centro-noroeste de Baden-Württemberg e sul da Renânia-Palatinado.
Variantes:
Riet, Riett, Rieth, Reet, Reith, Reeth - variantes relacionadas.






Museu Histórico Farroupilha promove concurso de fotografias


O Museu Histórico Farroupilha, de Piratini/RS, promove entre 03 de junho e 03 de julho de 2017 o concurso de fotografias "O Singelo no Pampa Gaúcho". O concurso se divide em duas categorias: amador e profissional.  As fotos devem ser inéditas. A premiação do concurso ocorrerá no dia 08 de julho, às 15 horas, no Museu Histórico Farroupilha, em Piratini.

Para maiores informações, com o edital e a ficha de inscrição do concurso, acesse o link: http://mhfarroupilha.blogspot.com.br/2017/06/edital-012017-concurso-defotografias-1.html 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...