quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Significado e origem de sobrenomes alemães - Parte 21

361. Eichhorn: sobrenome poligenético que significa esquilo. O sobrenome se relaciona primeiramente ao profissional que trata peles de animais silvestres e as comercializa e também pode designar uma pessoa inquieta, agitada, curiosa. Também pode denominar um nome de casa. O sobrenome se concentra-se principalmente na Francônia e numa pequena área do Hesse, apesar de ser comum em toda a Alemanha.
Variantes:
Eichorn, Aichhorn, Aichorn - variantes comuns.
Eichhorn (toponímico) - um distrito de Zistersdorf, Gänserdorf, Baixa Áustria.
Aichhorn (toponímico) - uma cidade no distrito de Spittal, Caríntia.
Eichkater, Eichkatter - variantes regionais da Alemanha.
Katteker, Kateker, Katteke, Kateke - variantes derivadas do termo no baixo alemão medieval.
Aivhorn - variante arcaica.

362. Greiner: sobrenome poligenético que significa chorão, aquele que chora, aquele que clama, aquele que lamenta, aquele que grita. Provém etimologicamente do termo do alto alemão medieval griner que significa gritar. O sobrenome já é documentado no século XIII e é originário da Suábia.
Variantes:
Grein - variante curta.
Griner - variante do centro da Alemanha.
Gryner - variante arcaica.
Grainer - variante da região renana.
Kreiner, Krainer - variantes relacionadas ao sul da Alemanha e Áustria. Todavia ressalve-se que pode ter também raízes semânticas diferentes, tratando-se de homônimos.

363. Moritz: sobrenome patronímico que significa filho de Moritz. Moritz (Maurício em português) é um primeiro nome na língua alemã derivado etimologicamente do nome latino Mauritius. O sobrenome é comum na região de Berlim, Brandemburgo e Baixa Saxônia.
Variantes:
Moritzsohn, Moritzsson, Moritzson, Moritsohn, Moritsson, Moritson, Moritzsen - variantes acrescidas do sufixo sohn/sen.
Morits, Mourids, Moritsen, Mouridsen - variantes próprias da língua dinamarquesa.
Maurits, Mauritsson - variantes próprias da língua sueca.
Moretzsohn, Moretzsson, Moretzson - variantes próprias da Silésia.
Moris, Morissen, Morisen - variantes próprias da língua norueguesa.
Morris, Morrisson, Morrison - variantes próprias da Ilha da Grã-Bretanha.
Maurits - variantes própria dos Países Baixos.
Maurycy - variante própria da língua polonesa.
Mór - variante própria da língua frísia.
Mauritz, Mauritzen - variantes encontradas na Áustria e sul da Alemanha.

364. Stumpf: sobrenome poligenético que significa coto de árvore, porém servia na Idade Média para designar pessoa baixa e de tronco grosso, isto é, pessoa atarracada. Provém etimologicamente do termo homônimo e de mesmo sentido do alto alemão medieval. O sobrenome é datado desde o século XIII e ocorre em toda a Alemanha.
Variantes:
Stumpf (toponímico) - referente a:
* Um distrito da cidade de Wermelskirchen, Renânia do Norte-Westfália.
* Um distrito da cidade de Lohmar, Renânia do Norte-Westfália.
Stumpff, Stumph - variantes comuns.

365. Scharf: sobrenome poligenético que possui dois significados possíveis:
1 - Alguém de temperamento áspero, sarcástico, afiado, irritável.
2 - A profissão de amolador de facas e lâminas em geral.
Etimologicamente, o sobrenome provém do termo do alto alemão medieval scharpf que tem o sentido de coisa de corte, afiado, áspero, agudo.
Sua ocorrência é mais ou menos comum em toda a Europa de língua alemã, com concentração especial na Baviera.
Variantes:
Scharff - variante comum.
Scharffe - variante mais antiga.
Schärfe - variante que significa literalmente agudeza.
Scharfe - variante que significa literalmente afiado.

366. Henschel: sobrenome patronímico típico e originário da Silésia que corresponde ao medieval filho de Johannes (João em português). 
Variantes:
Hentschel - variante comum.
Haschke, Henschke, Jaschke, Jenke - variantes do sobrenome na forma silesiana que irão aparecer em Mecklemburgo, Brandemburgo, na região da Pomerânia, Cassúbia, Mazóvia, Cujávia e Wármia-Masúria.
Jänsch - outra variante derivada diretamente da forma silesiana.
Häntzschel, Hendtschel, Hentschler, Henschler - variantes da forma silesiana no norte e noroeste da Alemanha.

367. Hartwig: sobrenome patronímico que significa filho de Hartwig. Hartwig é um primeiro nome alemão, usado mais costumeiramente em séculos passados, que é derivado da aglutinação dos termos do alto alemão antigo harti (duro, forte) e wig (luta, guerra), significando portanto guerreiro forte. O sobrenome ocorre com mais frequência em Mecklemburgo-Pomerânia e  na zona fronteiriça entre a Turíngia e o Hesse.
Variantes:
Hartwich - variante mais comum no sul da Alemanha e Áustria.
Härtwig - variante mais comum na Saxônia.
Hertwig - variante encontrada na Silésia.
Hertwicus - variante latinizada arcaica.
Hartwick - variante do norte e centro da Alemanha.
Hartwieg - variante encontrada na região de Hamburgo.
Hardwick, Hardwicke - variantes encontradas no norte e noroeste da Alemanha.

368. Heil: sobrenome poligenético que significa literalmente salvaçãocura, porém seu sentido mais aproximado deve ser entendido como bem-aventurança, graça. Por isso, o sobrenome quer dizer pessoa bem-aventurada, pessoa de boa sorte, pessoa de boa graça ou pessoa favorecida pela graça. Na Idade Média alemã, ser portador de uma propriedade ou de um cargo público que lhe auferisse rendas estáveis era sinal de Heil, isto é, de possuir uma segurança financeira, material que lhe indicasse um conforto mínimo diante de um panorama social de muitas carências e incertezas. Heil também é uma saudação comum e até hoje usada em diversas partes da Europa de língua alemã. O sobrenome ocorre com mais frequência no Hesse e quanto à sua antiguidade data ainda da época dos soberanos francos.
Variantes:
Hail - variante incerta.
Heill - variante comum.
Heilmann, Heilman - variantes acrescidas do sufixo mann.
Heiler - variante que significa literalmente curador, pessoa que cura.
Haile, Heile - variantes curtas de Heiler.
Heyl - variante encontrada no Palatinado.

369. Oswald: sobrenome patronímico que significa filho de Oswald. Oswald é um primeiro nome da língua alemã derivado etimologicamente do inglês antigo Osweald que é uma aglutinação dos termos os (Deus) e wealdan (prevalência, presença, violência, exercício, poder). Compreende-se que o nome quer dizer governado por Deus, conduzido por Deus, pois em algumas traduções medievais Oswald equivale ao nome grego Theophoros, que possui justamente este sentido. Segundo a Genealogia, o nome Oswald já é documentado no continente a partir do século VIII. 
A vertente inglesa do sobrenome é obviamente muito mais abundante, todavia na língua alemã sua ocorrência não é desprezível, pois o sobrenome figura entre os 500 mais recorrentes da Alemanha.
Atualmente, o sobrenome (na sua vertente alemã) ocorre mais frequentemente na Saxônia e no leste da Baviera.
Variantes:
Oswalt - variante comum.
Answald, Answalt - variante do centro e oeste da Alemanha.
Ossi - variante curta que é considerada um hipocorístico empregado como sobrenome.
Oswalde, Oswalte, Answalde, Answalte, Aswalt, Aswald, Aswalte, Aswalde - outras variantes.
Osswald - variante relacionada a Baixa Saxônia e Saxônia-Anhalt.
Oszwald - variante de Brandemburgo.
O'Swald - variante relacionada à região de Hamburgo. Pode ter origem frísia.

370. Bloch (1a. vertente): sobrenome poligenético que significa bloco, barra, pilha. Provém etimologicamente do alto alemão medieval block com o mesmo sentido. O genealogista alemão Bernd Naumann considera que a palavra era usada figurativamente para designar homem forte, homem rude, homem bruto (física ou intelectualmente). 
Bloch (2a. vertente): sobrenome toponímico que significa estranho, estrangeiro. Segundo o genealogista Viktor Schobinger é uma forma pejorativa que surgiu devido a uma grande migração ocorrida no século XIV da Alemanha para a Polônia. A maioria destas famílias eram judias, indicando assim uma vinculação histórica do sobrenome com linhagens ashkenazi. O termo usado no Medievo era wloch.
Bloch (3a. vertente): sobrenome que significa prisioneiro. Está relacionado à palavra blöcker (bloqueador, bloqueado, algo que bloqueia). Com o tempo, segundo o pesquisador Max Gottschald, o vocábulo passou a denominar também o porteiro do tribunal que eram julgados os prisioneiros.
As três vertentes são consideradas autênticas pela Genealogia alemã.
O sobrenome é comum em toda a Europa de língua alemã, bem como nos países circunvizinhos. A maior concentração do sobrenome se dá na região da Basileia, Suíça.
Variantes:
Block - variante muito comum.
Bloc - variante da região alpina.
Blok - variante arcaica.
Blocke, Bloke, Blokke - variantes no plural que variam conforme a região de língua alemã.
Blocher - variante muito comum na Suíça.
Blochmann, Blochman, Blockmann, Blockman - variantes acrescidas do sufixo mann.
Blöckel, Blockel - variantes da Silésia e Saxônia.
Plocker, Plocher, Plöcker, Ploche, Ploch, Plock, Plok, Plokk, Plokke, Plocke, Plöckl, Plockl, Plokl, Plokel - variantes de diversas regiões alemãs.

371. Heim: sobrenome poligenético que significa casa. Provém etimologicamente do alto alemão antigo heima com o mesmo sentido. Heim é um vocábulo que se incorporou e se tornou típico da língua alemã na Áustria. Seu uso é corrente até hoje na fala coloquial, enquanto na Alemanha seu uso é mais restrito. Por isso, se atribui às linhagens de Heim quase sempre uma procedência histórica austríaca. Na Alemanha, o sobrenome é mais comum no sul.
Heim também pode ser um primeiro nome, dando assim um patronímico.
Variantes:
Heymo, Heym, Haimo, Haym - variantes relacionadas.
Heimer - variante que significa aquele que possui uma casa, caseiro.

372. Schott: sobrenome poligenético que significa mascate, caixeiro-viajante. Provém etimologicamente do termo do baixo alemão medieval schotte que significa trava, alçapão. A vinculação do termo com a profissão se deve ao fato dos antigos mercadores ambulantes guardarem e transportarem suas mercadorias em caixas de madeira com trava. 
O sobrenome é comum em toda a Alemanha, mas principalmente no Hesse e região de Berlim.
Variantes:
Schot - variante simples.
Schötte, Schotte - variantes comuns.
Scot - variante arcaica.
Schöttle - variante típica da Suábia.
Schotten - variante no plural.

373. Gottschalk: sobrenome patronímico que significa filho de Gottschalk. Gottschalk é um primeiro nome na língua alemã que deriva da aglutinação dos termos do alto alemão medieval Gott (Deus) e schalc (servo), querendo dizer desta maneira servo de Deus.
O sobrenome é bastante comum em Brandemburgo, Saxônia-Anhalt e Baviera.
Variantes:
Godescalc, Godeschalcus - variantes arcaicas.
Gotschalich - variante encontrada na Saxônia.
Gotschalk - variante simples.
Gotschlig, Gotschling - variantes relacionadas ao centro-norte da Alemanha.
Gocze - variante incerta relacionada ao leste da Alemanha.
Gotsche, Gottsche - variantes consideradas curtas do sobrenome.
Gottschalck - variante comum da região renana e do norte da Alemanha.
Godtscaleus, Godtschalck, Godtschalckus, Godtschaleus, Godzschalck - variantes relacionadas.
Gottschalke, Gotschalcke, Gottschalke, Gotschalke - variantes comuns.

374. Ehlers: sobrenome patronímico que significa filho de Agilhart. Agilhart foi um primeiro nome comum na Idade Média e que possuía o significado de (pessoa, homem) forte assustador, forte amedrontador.  O sobrenome atual é resultado de transformações fonéticas ao longo dos séculos. Atualmente, ocorre com destaque em Schleswig-Holstein.
Variantes:
Elers - variante comum.
Ehler - variante comum na região de Hamburgo.
Ehlert - variante relacionada.
Ahlers, Alers, Ahler, Aler - variantes relacionadas causadas por aliteração.

375. Jürgen: sobrenome patronímico que significa filho de Jürgen. Jürgen (Jorge em português) é um primeiro nome em língua alemã muito comum. O sobrenome se espalha em toda a Europa de língua alemã.
Variantes:
Jurgen - variantes simples.
Jurg - variante curta.
Jurgmann - variante com o sufixo mann.
Jurgens - variante no plural.
Observação: há outras formas na língua alemã para o grego Georgios (Jorge) que variam conforme a região. Listamos abaixo algumas que também são patronímicos, embora com raízes semânticas ou fonéticas diferentes.
Georg - muito comum. Com o sufixo mann: Georgmann, Georgemann.
Gerch - forma curta da língua bávara. Com o sufixo mann: Gerchmann. Outras: Gerchert, Gerchel.
Gürgen - forma relacionada. Com o sufixo mann: Gurgenmann, Gurgemann. Outras: Gurgel, Gurchert.
Hanjörg - forma do norte da Alemanha.
Jorg - forma muito comum. Com o sufixo mann: Jorgmann.
Jörgen - forma muito comum no norte. Com o sufixo mann: Jorgenmann, Jörgenmann.
Jörn - forma curta de Schleswig-Holstein. Com o sufixo mann: Jörnmann, Jormann.
Jürn - outra forma comum no norte da Alemanha. Com o sufixo mann: Jürnmann, Jurnmann.
Schorse, Schurdl, Schurdel, Schurli, Yorck, York - outras formas oficialmente reconhecidas pela Linguística e Genealogia.
Gorch - forma própria do dialeto plattdeustsch (baixo alemão). Típico do noroeste da Alemanha. Com o sufixo mann: Gorchmann.
Giagl, Girgl, Schosch, Schore, Schorsch, Schos, Schosl - formas da língua bávara. Com o sufixo mann: Giagmann, Giagelmann, Gigelmann, Girgmann, Girgelmann, Schoschmann, Schoremann, Schorschmann, Schosmann, Schoselmann.
Schosch, Jürch - formas do dialeto francônio. Com o sufixo mann: Schoschmann, Jurchmann, Jürchmann.
Schorsch - forma do dialeto do Hesse.
Jeork, Jörk, Orje - formas do dialeto berlinense.
Jerg - forma da Suábia. Com o sufixo mann: Jergmann.
Jöri - forma no walliserdeutsch (dialeto do cantão suíço de Wallis).
Schorschi, Georgi, Schurl, Schurli, Getschi - formas próprias dos dialetos da Áustria.




Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...