domingo, 31 de janeiro de 2016

Significado e origem de sobrenomes alemães - Parte 41


641. Huhn: sobrenome poligenético que significa frango ou galinha (Gallus gallus domesticus). Provém etimologicamente do alto alemão medieval huon com o mesmo sentido. Designa o criador ou comerciante de frangos como ofício profissional. De modo figurado, pode corresponder a alguém que é considerado fraco, inseguro, medroso. O sobrenome é comum em Schleswig-Holstein, Renânia do Norte-Westfália, Renânia-Palatinado e Baviera. Data do século XIV.
Variantes:
Huhns, Huhnes - variantes no genitivo da língua alemã.
Hühner - variante no plural da língua alemã.
Huhne - variante comum.
Hohn - variante encontrada na Baviera.
Hoon - variante do norte da Alemanha.

642. Zapp: sobrenome poligenético que significa aproximadamente torneira ou pino. O sobrenome tem relação com o vocábulo zapfen com o mesmo sentido. De acordo com o GenWiki o sobrenome é originário da área em que predomina o baixo alemão, onde existiu na Idade Média o ofício de zapfanaere que corresponde a aquele que maneja uma torneira, isto é, um estalajadeiro ou taberneiro. Atualmente, é um sobrenome concentrado na região do Sarre. Data do século XIV.
Existe uma outra vertente do sobrenome própria da Suíça que pode significar fabricante de rolhas
Variantes:
Zappe - variante concentrada no norte, principalmente na Saxônia-Anhalt e Brandemburgo.
Zapfe - variante concentrada na Turíngia.
Zapf - variante comum na Baixa Saxônia, Renânia do Norte-Westfália e regiões de Hamburgo e Hannover.
Czapp, Czappe - variantes do leste da Alemanha, Silésia e Boêmia.
Zapfen - variante do norte da Alemanha que significa literalmente torneira.
Zepp, Zeppe - variantes do centro-sul da Alemanha.
Zapff - variante encontrada na Baviera.

643. Landgraf: sobrenome poligenético que significa landegrave. O landegrave pode ser entendido como um título nobiliárquico do Sacro Império Romano-Germânico que correspondia a um conde com direitos e privilégios maiores que os demais. O landegraviato (feudo de um landegrave) constituía na maior parte dos casos um território com muita autonomia dentro do sistema imperial germânico, como é o caso do landegraviatos do Hesse e Turíngia. Posteriormente o título de landegrave passou a ser concedido aos juízes e funcionários judiciais que agiam em nome do Imperador do Sacro Império. 
A explicação para o sobrenome afirma o seguinte: qualquer funcionário subordinado diretamente a um landegrave (seja ele um conde ou juiz imperial) passou a usá-lo como símbolo de distinção. O sobrenome data do século XIII e ocorre principalmente em toda a região central da Alemanha, do oeste ao leste.
Variantes:
Lantgravius - variante latinizada do século XIII.
Lantgrave - variante arcaica.
Landgrafen - variante no plural da língua alemã.
Landgraaf - variante encontrada no noroeste da Alemanha e Países Baixos.
Lantgreve - variante na língua sueca.
Lantkrabe - variante na língua tcheca.
Lantgraben, Lantgrab, Lantgrabe, Lantgrabbe - variantes no baixo alemão.

644. Leitner: sobrenome poligenético que significa montanhês, habitante da montanha. Provém etimologicamente do termo do alto alemão medieval oriental lite que significa montanha, lugar inclinado, inclinação, relevo íngreme.  É um sobrenome muito comum na Áustria, sendo classificado entre os 20 com maior ocorrência. Também é abundante no sul da Alemanha, principalmente na Baviera. Data do século XV.
Variantes:
Leitners - variantes simples no plural.
Leidner, Leidners - variantes comuns em Baden-Wüttember, Renânia-Palatinado e Hesse.
Leittner - variante simples.
Leuthner, Leutner - variantes do centro-leste da Alemanha.
Laitner - variante pouco comum encontrada no norte da Alemanha.
Leitnin, Leittnin - variantes encontradas na Baviera e Turíngia.
Leithen, Leiten - variantes comuns no sul da Alemanha, Suíça e Áustria.
Ableitner, Ableithner - variantes típicas do Tirol, Áustria.
Liet, Lietmann, Litmann, Lit - variantes no baixo alemão.
Leite - variante que significa literalmente lugar íngreme, flanco de uma montanha.
Lieth, Liethmann - variantes encontradas no noroeste da Alemanha.
Leiten - variante do sul da Baviera.

645. Bosse: sobrenome que pode ser uma variante curta do patronímico Burkhardt, mas também possui dois outros significados:
1 - Significa excesso de material numa construção civil, designando portanto uma construção de grande espessura, um forte ou castelo, denominando um habitante de uma construção com essas características. Provém etimologicamente do termo do alto alemão oriental medieval bozen.
2 - Num caso mais reduzido, Bosse é uma medida de volume típica do cantão de Neuchâtel, Suíça, que corresponde aproximadamente a 300 litros. Neste particular, denotaria o ofício de comerciante de grãos.
O sobrenome ocorre na metade meridional da Alemanha. Data do século XVI.
Variantes:
Boss - variante simples.
Bos - variante simples do leste da Alemanha.
Bose, Boz, Boze, Bozen - variantes relacionadas.
Bus, Buss, Busse - variantes incertas.

646. Laux: sobrenome poligenético de origem prussiana que significa campo arável. Provém etimologicamente do termo da antiga língua báltica laukas com o mesmo sentido. Aliás, no lituano moderno a palavra conserva o significado. Data do século XIII e ocorre principalmente na Polônia, Mecklemburgo-Pomerânia, Brandemburgo, região de Königsberg e leste da Renânia do Norte-Westfália.
Variantes:
Lauks - variante comum em Mecklemburgo-Pomerânia, Renânia do Norte-Westfália e Baixa Saxônia.
Laucs - variante encontrada em Samland e norte da Polônia.
Lawske - variante encontrada na Pomerânia (alemã e polonesa).
Laukis - variante arcaica do leste da Alemanha.
Lauk - variante comum no norte da Polônia e nordeste da Alemanha.
Lauxs - variante encontrada em Samland.
Laxin, Laksin - variantes arcaicas nas regiões de imigração alemã da Polônia.
Lauck - variante encontrada em Memel.
Laug, Laugs, Laugss, Laugall - variantes do norte da Polônia e região do mar Báltico.
Laugallies, Lauschims, Laukandts, Laukasiele, Laukstint, Laukenings, Laukening - variantes derivadas encontradas na costa do mar Báltico.
Laukehn - variante encontrada em Brandemburgo e região de Berlim.
Laukatis - variante báltica.
Laukne, Laukner, Laukien, Laken - variantes encontradas no norte da Polônia e nordeste da Alemanha.
Lack, Lackmann, Lakemedien, Lackemedien - variantes germanizadas encontradas no nordeste e leste da Alemanha.
Lackner - variante encontrada na Saxônia-Anhalt.
Lakeit - variante relacionada.
Laukuttis - variante típica da Estônia e Letônia.
Laukins - variante encontrada em Wármia.
Lauke - variante encontrada em Friedland.
Lachs - variante que também significa salmão. Se relacionada ao sobrenome Laux, como afirma a Genealogia, ocorre em Samland.
Laukappe - variante encontrada em Seeburg.

647. Trost: sobrenome poligenético que significa consolação, conforto. Etimologicamente provém do termo homônimo existente no alto alemão antigo. Embora num primeiro momento o sobrenome possa ter um aspecto religioso ou comportamental, seu real significado é fabricante de cobertores, pois o termo Trost era usado figurativamente no Medievo para denominar a peça fundamental num país de inverno rigoroso. Sua origem data do século XIII e parece indicar a região de Hamburgo. Atualmente ocorre principalmente no Hesse e Turíngia, apesar de estar distribuído por toda a Europa de língua alemã.
Variantes:
Tröster, Troester - variantes que significam literalmente consolador. Designa o ofício de fabricante de cobertores.
Troost, Trooster - variantes comuns do noroeste da Alemanha e Países Baixos.
Troest - variante mais comum na Dinamarca.
Trostes - variante no genitivo da língua alemã.

648. Droste: sobrenome poligenético que significa escritório do oficial de justiça. Particularmente, Droste é um termo originário da Westfália e passou a designar o oficial de justiça nesta região, enquanto que em outras regiões do Sacro Império Romano-Germânico eram usados termos diferentes. Atualmente, é um sobrenome abundante justamente na região da Westfália, parte da Renânia do Norte e sul da Baixa Saxônia. Data do século XIV.
Variantes:
Drost, Drosts, Drostes, Drosten - variantes comuns.
Droost, Drooste - variantes encontradas na região de Hamburgo, Hannover, Bremen, Baixa Saxônia e Países Baixos.

649. Fabian: sobrenome patronímico que significa filho de Fabian. Fabian (Fabiano em português) é um primeiro nome da língua alemã, mais comum no passado que na atualidade, graças a um santo católico homônimo (nome latino Fabianus) que foi martirizado no século III em Roma. Considerado padroeiro dos oleiros e funileiros, tem seu culto particularmente enraizado na região da Westfália, onde inclusive é patrono da cidade de Selm.
O sobrenome data do século XIV e ocorre principalmente no oeste e sul da Alemanha.
Variantes:
Fabien - variante na língua francesa.
Fábián - variante na língua húngara.
Fabián - variante nas línguas tcheca e eslovaca.
Fabia - variante encontrada na região dos Alpes.
Fabians - variante na língua norueguesa.

650. Bauch: sobrenome poligenético que significa barriga. Provém etimologicamente do alto alemão antigo uuasbucho, derivando a forma reduzida buh no século XI. O sobrenome refere-se a homem com barriga grande, barriga proeminente. Está espalhado em toda a Europa de língua alemã. A forma atual data do século XIV.
Num caso mais específico, o sobrenome pode se referir a porão de navio.
Variantes:
Bäuche - variante no plural da língua alemã.
Bauchs, Bauches - variantes no genitivo da língua alemã.
Bauchmann - variante com o sufixo mann.
Bäuchelchen, Bäuchlein - variantes no diminutivo da língua alemã.
Bug - variante na língua dinamarquesa.
Boykh - variante na língua iídiche. 
Buuk - variante no baixo alemão.
Buik - variante na língua holandesa.
Brjuch - variante no baixo sérvio.
Buk, Por - variantes na língua norueguesa.
Brzuch - variante na língua polonesa.
Buk - variante na língua sueca.
Bricho - variante na língua tcheca.
Plauze, Plauzen - variantes do norte e centro da Alemanha com o mesmo sentido.
Plauzmann - variante derivada de Plauze.
Plauzkopf - variante que significa cabeça-barriga, designando figurativamente homem de pouca inteligência.
Wampm - variante própria da Baviera.
Wambm - variante própria da Francônia.
Satchel - variante própria do Hesse e Palatinado.
Ronzä - variante da região do rio Elba.
Wampe - variante da região renana.

651. Stier: sobrenome poligenético que significa touro (Bos taurus). Provém etimologicamente do alto alemão clássico stior com o mesmo sentido. Designa o criador de touros e pode ainda figurativamente corresponder a aquele que é forte como um touro ou ainda aquele que é impaciente ou insociável como um touro. O sobrenome data do século XVI e é comum em Baden-Wüttemberg e região de Berlim.
Variantes:
Stiehr - variante comum encontrada tanto no norte quanto no sul da Alemanha.
Stieres, Stiers - variantes no genitivo da língua alemã.
Stiere - variante no plural da língua alemã.
Farre, Farren, Fasel - variantes próprias do sul da Alemanha.
Muni - variante própria da Suíça.
Tjur - variante na língua sueca.

652. Möbius: sobrenome patronímico originário da região da Saxônia que significa filho de Bartholomäus (Bartolomeu em português). Möbius ou Moebius é a forma curta do patronímico que se originou naquela área durante a Idade Média. O sobrenome data do século XIV e ocorre principalmente na Saxônia, sul da Saxônia-Anhalt, sudoeste de Brandemburgo e leste da Turíngia.
Variantes:
Moebius - variante mais comum.
Möbus - variante comum na região de Berlim, e nas regiões de Frankfurt e Kassel, Hesse.
Mees, Meis, Mews, Mewes, Mewis, Mebes, Mebus, Mebius, Mobes, Mobis - variantes relacionadas de diferentes regiões da Alemanha.
Möwius, Moewius - variante do nordeste da Alemanha.
Mewius - variante do norte da Alemanha

653. Luft: sobrenome poligenético que significa ar. Provém etimologicamente do gótico luftu com o mesmo sentido. Designa o profissional que trabalha com ar, mais especificamente o profissional que trabalha com fole ou ventana. Neste aspecto, o termo Luft enquanto alcunha familiar pode ter um significado amplo, pois pode indicar ferreiro (explicação muito aceita pela Genealogia), bem como oleiro, minerador, vidreiro, entre outros. Num aspecto mais estrito, pode também denominar alguém que vive nos ares, no sentido de alguém que habita num lugar muito alto ou íngreme. O sobrenome é mais comum no norte e leste da Alemanha e data do século XV.
Variantes:
Lufft - variante comum na Baixa Saxônia e região de Berlim.
Lüfte, Lüften - variantes no plural da língua alemã, também formas comuns.
Lucht - variante na língua holandesa.
Luffd - variante da região da Lusácia.
Luch - variante encontrada na Baixa Saxônia e Países Baixos.
Loft - variante da Frísia Oriental.
Lift - variante do leste europeu, encontrada em comunidades alemãs da Ucrânia.

654. Maus: sobrenome poligenético que significa rato. Provém etimologicamente do alto alemão medieval mus com o mesmo sentido. Segundo o pesquisador familiar Steven Maus o sobrenome designa pessoa pequena ou pessoa ansiosa. Data do século XIII e o sobrenome e suas variantes estão de certa forma distribuídos regularmente em toda a Europa de língua alemã.
Variantes:
Mäuse - variante no plural, mais comum na Áustria.
Mauss - variante comum no sul da Alemanha e Áustria.
Muis - variante na língua holandesa.
Muus - variante no baixo alemão.
Mus - variante nas línguas sueca e norueguesa.
Mysz - variante na língua polonesa.
Mür - variante no dialeto romanche.
Mois, Mys - variante na língua polábia.
Mys - variante na língua tcheca.
Mis - variante na língua eslovena.
Mauserl - variante na língua bávara.
Musje - variante no dialeto kölsch.
Meis, Meisle - variante na língua suábia.
Müüsli - variante no suíço-alemão.

655. Hofmeister: sobrenome poligenético que significa tutor, no sentido de alguém que cuidava da educação dos filhos de um nobre ou dos filhos de uma pessoa de posses fora do âmbito escolar. Foi um ofício profissional de muito status social no Sacro Império Romano-Germânico entre os séculos XV e XIX, tanto que tinha caráter nobiliárquico. 
Hofmeister antes do século XV também correspondia a administrador de fazenda ou o administrador secular de uma abadia ou mosteiro.
O sobrenome é usado desde o século XV, o que indica que a explicação inicial seja mais corrente para a maioria das linhagens. Ocorre principalmente na metade setentrional da Alemanha.
Variantes:
Hoffmeister - variante muito comum.
Hofmeisters - variante no genitivo da língua alemã.
Hofmeistern - variante no plural da língua alemã.
Hovemeister, Howemeister - variantes no baixo alemão.
Klosterhofmeister - variante que significa administrador das rendas de um mosteiro.
Homeister - variante do centro da Alemanha.





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...